domingo, 14 de fevereiro de 2016

Repórter Secreto investiga obras feitas com licitação fraudada


Duzentos milhões de reais em projetos feitos por baixo dos panos. Fantástico investigou esquema de corrupção, que se espalhava por mais de 80 cidades.

Que cidade pequena não queria ter um ginásio? Um posto de saúde? O problema é que as obras foram feitas na base da licitação fraudada. O Repórter Secreto investigou esse esquema de corrupção, que se espalhava por mais de 80 cidades. Duzentos milhões de reais em projetos feitos por baixo dos panos.


Qualquer semelhança com São Pedro da Água Branca, não é mera coincidência!

No município de São Pedro da Água Branca vem ocorrendo um esquema semelhante aos dos municípios do Estado da Paraíba. Foi montado um esquema criminoso envolvendo o prefeito Vanderlúcio Simão Ribeiro, familiares e aliados políticos. O esquema conta com a super proteção na Câmara Municipal de seis vereadores, que vêm acobertando nas sessões que ocorrem na sede do poder legislativo local, as várias irregularidades já denunciadas pela Vereadora Drª Lillian Gonçalves de Oliveira. Os vereadores agem impedindo que a Câmara utilize o seu poder de investigar as fraudes cometidas pelo prefeito do município, abstendo - se assim de puni-lo pelos atos praticados.

Grupo político do Prefeito Vanderlúcio Simão Ribeiro trabalha dia e noite na base da promessa  para eleger sucessor, o Vice - Prefeito Pelezinho.
As empresas que vencem as licitações fraudulentas, em sua grande maioria são "Fantasmas" criadas a toque de gabinete para surrupiar os recursos públicos de São Pedro, condenando o município a conviver com obras inacabadas, saúde precária e uma educação de faz de conta.
São quase 7 anos de irregularidades envolvendo empresas de fachadas e contratos licitatórios fraudulentos, no momento não é possível dimensionar o montante vultuoso de recursos públicos desviados do município, no entanto, é do conhecimento público, que o prefeito e alguns aliados estão acumulando patrimônio financeiro incompatível com os salários recebidos pela função exercida na Prefeitura Municipal. Nos bens adquiridos pelo grupo político, consta uma relação que possui: Fazendas, apartamentos, vários carros de luxo, terrenos, entre outros.

Praça de Eventos e Praça São Pedro
Praça de Eventos e Praça São Pedro vão custar aos cofres públicos quase um milhão de reais e em ambas foram utilizados maquinário da prefeitura e funcionários da prefeitura.
Creche Habitar Brasil
A Creche Habitar Brasil, localizada no Bairro Habitar Brasil, deveria está pronta o mais tardar até dezembro de 2012, uma vez que a primeira parcela do Convênio do Fundo Nacional de Educação(FNDE) foi liberada pelo Governo Federal para a prefeitura de São Pedro da Água Branca, ainda em 30/08/2011.
Veja abaixo todas as datas da liberação das parcelas dos recursos para construção da Creche do Bairro Habitar Brasil:
Data da Entrada da 1ª Parcela do Convênio 30/Ago/2011, Valor: 258.006,82
Data da Entrada da 2ª Parcela do Convênio 15/Jun/2012,  Valor: 387.100,22
Data da Entrada da 3ª Parcela do Convênio 06/Set/2012,  Valor: 645,167,04
Total                                                                      Valor: 1.290.374,08
Ampliação da Escola Pedro Alves Matias
"O Governo do Estado do Maranhão destinou ao Município de São Pedro da Água Branca o montante de 500. 000,00(quinhentos mil reais) para Reforma e Ampliação da Escola Pedro Alves Matias. O convênio para liberação dos recursos foi assinado com o Município em 27 de Dezembro de 2011, sendo que a empresa Mult Comércio e Serviços LTDA, assinou o contrato para a realização das obras em 29 de Fevereiro de 2012. 
O prefeito teria contratado um pedreiro que fez apenas três salas na escola, que custaram os 500. 000,00(quinhentos mil reais).
Posto de Saúde Monte Sinai
O local onde deveria ser construído o Posto de Saúde Monte Sinai no município de São Pedro da Água Branca, mostra o descaso feito com o dinheiro público.
A obra que era prevista ser concluída em outubro de 2010, apresenta apenas sinais de abandono. Onde deveria funcionar esse posto no bairro Monte Sinai, o que se encontra são paredes desniveladas e tijolos soltos, que, durante a noite, serve de esconderijo para marginais.
A empresa contratada para realizar a obra é denominada. VIC CONSTRUÇÕES, e tem sua sede localizada na cidade de Vila Nova dos Martírios, em uma casa onde mora uma costureira.
Informações contidas no diário oficial mostram que o prefeito de São Pedro da Água Branca, Vanderlúcio Simão Ribeiro, conseguiu um convênio da Fundação Nacional de Saúde – FNS no valor R$ 202.277,10 (duzentos e dois mil, duzentos e sessenta e sete reais e dez centavos), para a realização da obra.
O posto fica nas proximidades da casa do prefeito e do vice – prefeito do município.
Praça da Juventude
A Praça da Juventude de São Pedro da Água Branca é fruto do trabalho do Deputado Davi Alves que, junto ao Ministério dos Esportes conseguiu liberar recursos na ordem de R$ 1,6 milhão para a execução da obra. Em 03/06/2010 foi lançada a pedra fundamental da obra, de lá para cá, O que se ver é uma obra mal planejada e o sumiço de parte dos recursos destinados a praça. 
Quadra Poliesportiva Com Arquibancada
Uma Quadra Poliesportiva Com Arquibancada, localizada no município de São Pedro da Água Branca-MA, Bairro Monte Sinai, apenas a dois quarteirões da casa do prefeito da cidade, deveria já está pronta desde o mês de Setembro de 2013, no entanto, o que se ver é mais uma obra abandonada com seus alicerces, já feitos, praticamente condenados devido a exposição a longo prazo aos agentes deteriorantes da natureza. A obra tem sua fonte de recursos no Ministério do Esporte do Governo Federal, e custou a bagatela de R$ 297.146,35. A construção da quadra começou no mês de Setembro do ano de 2013 e deveria ser concluída 120 dias depois de iniciada.
Quadra Poliesportiva Coberta" do Povoado do 1º Cocal
399.130,92, recursos da "Quadra Poliesportiva Coberta" do Povoado do 1º Cocal. Obra já deveria estar Pronta desde Outubro de 2013.
"Eu denuncie as irregularidades existentes na construção das obras desta quadra na Câmara Municipal de São Pedro da Água Branca, porém a comissão de investigação da CPI DA CORRUÇÃO não quis investiga-las e ainda arquivou a CPI. O mais grave disso tudo é saber que o vereador do povoado de 1º Cocal, Gildeon(PSC) foi contra as investigações". Pontuou a Vereadora Drª Lillian. 
Quadra Poliesportiva Coberta
Quadra Poliesportiva Coberta, localizada em São Pedro da Água Branca é apenas mais uma obra paralisada no município que se encontra sob suspeita. Obra com fontes de recursos do Governo Federal teria iniciado, ainda, em 2011, a estrutura apresenta coluna de suporte completamente tortas, o que demonstra que a construção teria sido feita sem o suporte técnico adequado, portanto, há indícios de mais uma tentativa  de desvio de dinheiro público pela gestão local.
Hospital Municipal de São Pedro da Água Branca
De acordo com informações levantadas, a Secretaria de Saúde do Estado do Maranhão liberou recursos na ordem de R$ 1.405.885,10 (hum milhão, quatrocentos e cinco mil, oitocentos e oitenta e cinco reais e dez centavos) para equipar, reformar e ampliar a estrutura física do Hospital Municipal de São Pedro da Água Branca. A obra iniciou em 2010 e continua inacabada, apesar de todos os recursos terem sido liberados para o município.
Por profº. Gilvan

Nenhum comentário:

Postar um comentário