segunda-feira, 19 de agosto de 2019

Capacitação atualiza profissionais da saúde de São Pedro da Água Branca sobre técnicas do Método Canguru

O curso durará 3 dias, 19, 20 e 21/08
Profissionais da Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro da Água Branca, ligados a Atenção Básica, estão em Imperatriz participando do curso "ATENÇÃO HUMANIZADA AO RECÉM- NASCIDO: MÉTODO CANGURU PARA UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE", ministrado pela equipe da Universidade Federal do Maranhão/Hospital Materno Infantil em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado do Maranhão. O curso que busca fortalecer a rede cegonha no estado tem o objetivo de reduzir a mortalidade materna infantil. 

Entre os participantes da capacitação estão a  enfermeira Tarciane da Unidade Básica de Saúde, Maria Diva e, a enfermeira Berenice da Unidade Básica de Saúde Povoado de Primeiro Cocal. 

O que é O Método Canguru?

O Método Canguru surgiu com o intuito de melhorar os cuidados prestados ao recém-nascido pré-termo (que nasceu antes das 37 semanas de idade gestacional) e/ou de baixo peso. Ele tem por objetivo o baixo custo na assistência perinatal e a promoção de um maior vínculo afetivo entre a mãe e o bebê, por meio do contato pele a pele.

No HU-UFMA, o Método teve início no ano de 1997. É um dos primeiros centros de referência e capacitação no Brasil para a aplicação do Método Canguru responsável por repassá-lo por meio de cursos com 40 horas, para grupos de profissionais de diferentes unidades hospitalares do país.

O Método Canguru traz diversas vantagens para a criança e a mãe, como menor tempo de internação e riscos de infecção hospitalar, aumento da estimulação sensorial e do aleitamento materno, e garante também mais segurança aos pais na hora do manuseio do bebê.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

sábado, 17 de agosto de 2019

Secretaria de Saúde de São Pedro da Água Branca realizará exames de Ultrassonografia nesta terça-feira(20)

A ação é uma resposta à crescente procura por este exame na Rede Pública


Para acabar com a fila de pacientes que esperam por exames de USG, a Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro da Água Branca disponibilizará por mês cerca de 70 ultrassonografias a pacientes que estão na fila, objetivando  zerar a lista de espera do município. A ação é uma resposta à crescente demanda por este exame na Rede Pública.

A servidora que trabalha no Setor  Regulação, Silmara, explica que a fila vem crescendo devido o aumento da demanda. “Com isso, o prefeito Pelezinho solicitou que fossem realizados os exames com recursos do município”.

Segundo o Secretário de Saúde, Gilvan Alves, os exames serão realizados no Hospital Municipal de São Pedro da Água Branca, e devem iniciar a partir  desta terça-feira, 20 de agosto.

O agendamento será realizado no Setor de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde, que prestará todos os esclarecimentos necessários aos pacientes. 

Para ter acesso aos exames de UGS o paciente deve procurar o Setor de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde munido de Requisição de Exame e Cópias do Cartão do SUS, Identidade, CPF e Comprovante de Endereço. Para agendar o exame de USG TRANSVAGINAL o paciente  deverá trazer cópia do resultado do Exame Preventivo. 

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Equipe do Posto de Saúde de Primeiro participa de capacitação

A Estratégia de Saúde da Família do Cocal inicia suas atividades do mês de agosto com métodos diferentes de trabalho. Durante o dia, a equipe do Cocal , recebeu treinamento especializado para atualização de práticas de trabalho na Atenção  Básica.  
Segundo o secretário de Saúde, Gilvan Pereira , o município fornecerá semanalmente capacitação para os profissionais da Atenção Básica, com o intuito de atualizar e valorizar os profissionais da saúde . Ainda na fala ,  o secretário de Saúde pontua o trabalho sempre é melhor aproveitado quando os trabalhadores estão satisfeitos e atualizados frente aos processos de mudanças na rotina laboral. Reitera  também a fundamental importância do apoio do Prefeito  para que as ações da saúde sejam executadas em todo o município.
Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

Mutirão do Graucoma 2019

Aconteceu nesta sexta-feira (26), no Hospital Municipal de São Pedro da Água Branca, Mais um Mutirão de Glaucoma e Catarata. A ação, realizada pela Secretaria de Estado da Saúde em parceria com o Hospital da Visão do Maranhão e a Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro da Água Branca, atenderam mais de 200 pessoas, gratuitamente. A distribuição de senhas e os atendimentos aconteceram das 13h às 16h.

 Os pacientes diagnosticados com catarata e glaucoma serão encaminhados para cirurgia e tratamento especializado através do Setor de regulação do município.

De acordo com o enfermeiro obstetra e Secretário Municipal de Saúde de São Pedro da Água Branca, Gilvan Alves, o glaucoma é uma doença causada pela elevação da pressão intraocular, compromete a visão e, na falta de tratamento adequado, pode levar à cegueira. "A prevenção é essencial para combatê-la", alerta Gilvan. "Por ser uma doença silenciosa, é importante que o paciente faça exames de rotina. Se o glaucoma for diagnosticado e tratado de forma correta, no início, as chances de controle são maiores", afirmou.

Já a catarata, caracteriza-se pela formação de visão nublada.  "É como olhar por uma janela embaçada ou enevoada", explicou Gilvan, acrescentando que a visão nublada pode tornar mais difíceis tarefas como ler e dirigir um carro e progredir até prejudicar completamente a visão.

Desde o primeiro Mutirão do Glaucoma realizado em 2017 várias pessoas foram  diagnosticadas com glaucoma e outras com catarata, a Secretaria Municipal de Saúde tem trabalho para amenizar os problemas destes pacientes contribuindo para a realização de várias cirurgias de catarata no Hospital Macrorregional.
Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

Prefeito Pelezinho se reúne com Agentes Comunitários de Saúde e garante o pagamento do incentivo referente a 2016


Em reunião realizada, às 9h da manhã, do dia 15 de agosto, na Câmara de Vereadores de São Pedro da Água Branca, na qual estavam presentes o prefeito Pelezinho, o secretário municipal de saúde, Gilvan Alves, o secretário de administração, Prof. Geraldo, os  ACS e sua assessoria jurídica e, vereadores, o Prefeito Pelezinho anunciou que estará pagando aos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) o incentivo refente a 2016 devidamente corrigido. Pelezinho disse que tomou a decisão após ter consultado a assessoria jurídica da prefeitura que deu um parecer favorável ao pagamento.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

Auditores do TCE/MA visitam a Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro da Água Branca

Nesta segunda-feira (13) a Secretaria Municipal de Saúde, recebeu visita técnica de inspeção do TCE (Tribunal de Contas do Estado), referente aos bons resultados da saúde quanto ao IEGM (Índice de efetividade da Gestão Municipal) relativo ao exercício de 2019

Além da Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro da Água Branca, a Equipe do TCE/MA visitou outros órgãos da prefeitura para avaliar dados inceridos no IEGM 

Equipe do Tribunal de Contas do Estado (TCE/MA) formada por dois auditores da instituição esteve presente nesta segunda - feira, 13, em São Pedro da Água Branca para coleta das informações relativas ao Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEGM/2019).

Os dados fornecidos pela administração pública municipal para a formulação do IEGM permitem ao TCE traçar um amplo diagnóstico da gestão pública no município em áreas sensíveis e de crucial importância para a sociedade, permitindo que se consiga avaliar os resultados efetivos das políticas públicas.

Para efeito do IEGM, as áreas  verificadas, pelos auditores, na etapa de validação foram educação, saúde, planejamento e desenvolvimento local.

Outra característica importante do IEGM, no âmbito das atividades de controle externo, é o seu efeito potencializador de uma função que tem sido muito valorizada na atualidade pelo Sistema de Controle Externo brasileiro: a função pedagógica.

Os trabalhos do IEGM possuem caráter essencialmente pedagógico, onde os auditores do TCE, por meio do contato direto com prefeitos, secretários municipais e gestores de escolas e hospitais, transmitem orientações variadas, fornecendo exemplos de boas práticas e experiências que podem ser aproveitadas em benefício da população.

Além de funcionar para os gestores municipais como ferramenta de avaliação e correção de rumos, estimulando o controle interno nos municípios, o IEGM é de grande importância para a população, que pode ter acesso irrestrito aos resultados finais na página do TCE na internet www.tce.ma.gov.br.

O TCE tem enviado equipes a todos os municípios do estado. 

O prefeito Pelezinho disse está grato pela visita da equipe do TCE ao município, que é uma oportunidade dos auditores observarem in loco o quanto toda sua equipe de Secretários tem trabalho observando as recomendações do TCE/MA. 

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

sábado, 27 de julho de 2019

PREFEITO PELEZINHO ENVIA DOIS ENFERMEIROS E UM TÉCNICO DE ENFERMAGEM PARA PARTICIPAR DE CAPACITAÇÃO EM SÃO LUIS

O curso sobre "manejo do aleitamento materno, proteção, promoção e apoio"   foi ofertado pelo Hospital Universitário da UFMA dirigido aos profissionais da saúde de São Luís e de outros municípios do MA

No dia, 25, o Hospital Universitário da UFMA (HU-UFMA) por meio do Banco de Leite Humano deu início a mais um curso de capacitação de profissionais de saúde para o manejo do aleitamento materno. O curso, que ocorreu nos dias 24,  25 e 26 de Junho, surgiu da necessidade de sensibilizar sobre a importância do Aleitamento Materno para a redução da mortalidade infantil no estado.

O treinamento foi dirigido aos profissionais da saúde: médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, auxiliar de enfermagem, fonoaudiólogo, nutricionista ou agente comunitário de saúde (ACS). Estes devem participar de maneira ativa na gestão de equipes de saúde da família e/ou trabalhar diretamente com gestantes e/ou puérperas, inseridos na atenção básica ou especializada da rede de saúde dos municípios prioritários.

O curso de Aleitamento Materno objetiva o treinamento de vários profissionais da rede de saúde que trabalham nos municípios do Maranhão.
Estudos demonstram que a multiplicação da informação sobre os benefícios do aleitamento materno pode mudar a realidade no curto prazo, salvando vidas e melhorando a qualidade da prestação de serviços em saúde.

Segundo a coordenadora do Banco de Leite, Feliciana Pinheiro, a capacitação impactará na melhoria dos indicadores sociais e de saúde do estado. “O desenvolvimento de multiplicadores do manejo especializado da amamentação é primordial para a mudança da realidade social que leva ao desmame, impactando de forma substancial nos indicadores sociais e de saúde das comunidades atendidas”.

Prefeito Pelezinho tem feito Investimento na capacitação dos servidores da saúde

Desde que assumiu a frente do município como chefe do executivo, o Prefeito de São Pedro da Água Branca, Pelezinho, tem feito investimentos na capacitação dos servidores da saúde, vários profissionais ligados aos Postos de Saúde e ao Hospital Municipal já tiveram a oportunidade de participar de cursos de capacitação com as despesas  patrocinadas pelo município. No curso de Aleitamento Materno ocorrido no Hospital Universitário em São Luís, 3 servidores da saúde do município abraçaram a oportunidade de ampliar seus conhecimentos com o total apoio da prefeitura. A Enfermeira Sandra, Posto de Saúde Maria Neuza, a Técnica de enfermagem Rosa, Posto de Saúde do Povoado de Primeiro Cocal e, a Coordenadora da Atenção Básica, Enfermeira Dulcineia, agora poderão contribuir com o município através da prática do conhecimento adquirido.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

MARANHÃO: Professores devem ficar de fora dos recursos dos precatórios do FUNDEF

MARANHÃO: Professores devem ficar de fora dos recursos dos precatórios do FUNDEF











TCU confirma entendimento e recursos devem ser aplicados exclusivamente em ações de manutenção e desenvolvimento do ensino público de nível básico
A
A Rede de Controle da Gestão Pública do Estado do Maranhão reuniu-se nesta quinta-feira, 25, na sede da Procuradoria Geral de Justiça, para discutir sobre a decisão do Tribunal de Contas da União, confirmada ontem, 24, sobre a aplicação dos recursos provenientes de precatórios do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef).

Na ocasião, assinaram a representação que foi feita ao TCU, o Ministério Público do Maranhão (MPMA), Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público de Contas, Tribunal de Contas da União no Maranhão (TCU), Controladoria Geral da União no Maranhão (CGU).
O Tribunal de Contas da União julgou a solicitação do Congresso Nacional para uma Proposta de Fiscalização e Controle no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef).
Segundo entendimento do Plenário do TCU, os recursos dos precatórios do Fundef devem ser destinados apenas às ações de manutenção e desenvolvimento do ensino básico das escolas públicas. Foi vedado o uso desses recursos para o pagamento de advogados e professores. Caso isso ocorra, os gestores poderão ser responsabilizados por danos ao erário e descumprimento de norma legal.
Em julgamentos anteriores (acórdãos 1.824/2017, 1.962/2017, 2.866/2018 e 180/2019, todos do Plenário do TCU), o Tribunal definiu que os recursos dos precatórios devem ser integralmente recolhidos à conta bancária do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), que sucedeu o Fundef, para aplicação em ações de manutenção e desenvolvimento do ensino para a educação básica pública. As verbas oriundas dos precatórios têm caráter eventual e não podem ser empregadas para o pagamento de salários, abonos ou passivos trabalhistas e previdenciários.
O procurador-geral de Justiça Luiz Gonzaga Martins Coelho defende a ideia de que a correta aplicação dos recursos pode trazer grandes avanços para a melhoria dos indicadores da educação pública dos municípios maranhenses. “Reafirmamos o posicionamento do TCU que confirma que os recursos devem ser destinados apenas na educação básica. Esses recursos são pra incentivar a educação, para melhorar os nossos indicadores. A Rede de Controle está atenta à real aplicação desses recursos”, apontou o procurador-geral de justiça Luiz Gonzaga Martins Coelho.
A decisão do TCU atende aos anseios da Rede de Controle da Gestão Pública, formada pelo Ministério Público do Maranhão e outras instituições públicas do estado, que realizou uma série de ações em defesa da aplicação dos recursos do Fundef exclusivamente na educação.
“Continuam válidos os termos dos acórdãos do TCU. Ou seja, é ilegal o pagamento de professores com os recursos provenientes dos precatórios do Fundef”, afirma Alexandre Walraven, secretário do TCU no MA.
A coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa da Educação, promotora de justiça Sandra Soares de Pontes informou que os gestores serão informados da decisão. “Na sessão plenária de ontem o próprio TCU decidiu que seria impossível rever essas decisões a não ser pela via judicial. A gente se posiciona enquanto Rede de Controle através de um ofício que vai ser encaminhado aos prefeitos e secretários de educação, no sentido de que os acórdãos do TCU sejam efetivamente cumpridos”, detalhou a coordenadora do CAOp Educação.
A procuradora-geral de contas em exercício Flávia Gonzalez Leite reforçou que foi muito importante os parceiros da Rede esclarecerem a sociedade sobre o assunto. “A decisão do TCU mantêm a decisão que foi tomada anteriormente, vedando a aplicação dos recursos em gratificações aos salários de professores e outros. A aplicação do recurso deve ser exclusivamente na educação”.
A superintendente da Controladoria Regional da União no Maranhão, Leylane Maria da Silva reforçou que a Rede de Controle continua atenta. “Desde o início estamos acompanhando. Esse recurso é importante para melhorar a qualidade do ensino no Estado”.
FONTE: Ministério Público do Estado do Maranhão
Redação: Daucyana Castro (CCOM-MA) Fotos: Fernando Costa (CCOM-MA)

quarta-feira, 10 de julho de 2019

Equipe da Defesa Civil do Estado do Maranhão faz vistorias de segurança nas Unidades Básicas de Saúde de São Pedro da Água Branca

Objetivo é certificar se os locais funcionam dentro da legalidade

Nesta quarta – feira (10), a equipe do Departamento Técnico da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil do Estado do Maranhão(CEPDECMA) esteve no município realizando vistorias em cumprimento a determinação exarada pelo Poder Judiciário do Estado do Maranhão mediante Ofício nº43/2019-SJ expedido pela Comarca de São Pedro da Água Branca. A equipe composta pelos 1º Tenente QOCBM Veiga, 1º Tenente Wellington e Subtenente Penha visitou e avaliou de forma minuciosa o Hospital Municipal de São Pedro da Água Branca, USB Maria Neuza Rodrigues, USB Maria Diva e USB do Povoado 1º Cocal.


A Equipe da Defesa Civil avaliou as condições gerais que envolvem a infraestrutura de todas as unidades de saúde do município de São Pedro da Água Branca; parte do telhado, forro, parte elétrica, hidráulica, piso, rachaduras, vazamentos, equipamentos de proteção contra incêndios, sinalização de segurança, entre outros. A Equipe da Defesa Civil deve emitir posteriormente um laudo com os resultados das vistorias, com cópias a ser encaminhadas para o MPE e outra para a Secretaria Municipal de Saúde.

O Secretário Municipal de Saúde, Gilvan Alves, explica que a fiscalização não objetiva fechar nenhuma Unidade de Saúde “O propósito é certificar se esses locais funcionam dentro da legalidade, garantindo segurança tanto para funcionários como para frequentadores, atuando, sobretudo, preventivamente para a segurança de todos”, afirma.

O vice - prefeito Gildeon, que estava com o Secretário Gilvan Alves acompanhando a equipe da Defesa Civil durante a vistoria reforçou que o Prefeito Pelezinho recomendou para o comprimento de todas as notificações que constarem no resultado do laudo.   






Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

domingo, 7 de julho de 2019

Postos de Saúde Maria Neuza e Maria Diva de São Pedro da Água Branca ficarão fechados nesta segunda(08) e terça-feira(09) para reparos


A Secretaria de Infraestrutura do município iniciou neste sábado(06) andamento à reforma dos PSFs (Programa de Saúde da Família) Maria Diva e Maria Neuza. A Secretaria montou uma equipe exclusiva para a manutenção das unidades de saúde. O objetivo do prefeito Pelezinho (PSB) é baratear o custo das obras com a utilização de mão de obra própria e manter as unidades bem conservadas para o atendimento à população. 

Os trabalhos nas Unidades de Saúde , incluem, colocação e troca de azulejos, reparos no calçamento do entorno das unidades, reparos no telhado, forro, parte hidráulica e elétrica. A equipe de Obras fará  adequações em salas dos dois postos de saúde  para a instalação e funcionamento de dois consultórios odontológicos. Os trabalhos, que também incluem melhorias na sinalização e  pintura geral, foram iniciados no sábado e devem ser concluídos no prazo de 15 dias. 

Os servidores de cada unidade de saúde devem permanecer em seus locais de trabalho para contribuir com a organização do setor.

Fonte Secretaria Municipal de Saúde

Secretários de Saúde de São Pedro da Água Branca, Buriticupu, Bom Jesus das Selvas e Cidelândia participam do XXXV Congresso Nacional de Secretários de Saúde em Brasília/DF

Os Secretários Municipais de Saúde de São Pedro da Água Branca, Gilvan Alves Pereira(Vice Presidente da Regional de Açailândia do COSEMS/MA), de Buriticupu, Elias Rocha de Sousa(Secretário de Articulação Política do COSEMS/MA), de Bom Jesus das Selvas, Abdala Filho(Coordenador da Comissão Intergestora Regional/CIR) e de Cidelândia, Socorro Costa, estiveram representando a Regional de Açailândia e seus respectivos municípios no XXXV Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde. O evento aconteceu em Brasília, no Ulysses Centro de Convenções, durou do dia 02 ao dia 05 de julho e reuniu secretários de vários municípios do Brasil.

O Congresso

Com quatro dias de programação e com o tema "Diálogos no Cotidiano do SUS", o Congresso do Conasems promove o encontro de mais de 5 mil congressistas - dentre eles, gestores municipais de saúde, trabalhadores do SUS, e de todas as esferas de governo, representantes de instituições ligadas à saúde pública e autoridades. O encontro é um momento de troca de experiências e informações que impactam diretamente no fortalecimento do SUS. 

Entre os assuntos discutidos no Congresso estão: O programa de apoio ao desenvolvimento institucional do SUS, o impacto da gripe na saúde pública; os desafios da obesidade no Brasil; preparatória para o Encontro Nacional do Projeto Aedes na Mira, entre outros.

foi uma grade oportunidade na qual adquiri muito conhecimento. Nestes 4 dias de congresso, pude acompanhar muitas experiências bem sucedidas, foram muitas informações e aprendizagens. Com certeza iremos trabalhar em parceria com nosso prefeito Pelezinho e nossa equipe do município para colocar em prática o qeu tivemos a oportunidade de ver no congresso. Foram 4 dias bem proveitosos que passamos ao lado dos Secretários Elias, Abdala e Dona”, disse Gilvan Alves.
Matheus Soares Santos apresentou no Congresso " Projeto de Potencialidades da Gestão na Atenção Básica de Cidelândia-MA
Fonte: Secretaria Municipal de Saúde