sábado, 12 de agosto de 2017

I Congresso Municipal do PSB em São Pedro da Água Branca-MA

 
São Pedro da Água Branca: Será realizado neste sábado, 12/08 das 17h da tarde às 21h da noite, o I Congresso Ordinário Municipal do PSB de São Pedro da Água Branca, com as seguintes ordens:  Eleição do diretório municipal, eleição dos delegados, eleição da comissão executiva, eleição do conselho fiscal, eleição do conselho de ética, e dos seguimentos gerais do partido.

Com a eleição da executiva do PSB na data de hoje, Pelezinho que se elegeu prefeito pelo partido, objetiva fortalecer o partido no município filiando grandes lideranças, ampliando sua força política e construindo naturalmente os caminhos de sua reeleição.

Por profº Gilvan

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Prefeitura de São Pedro da Água Branca investe na saúde preventiva através de novos profissionais do programa "Mais Médicos"



Da esquerda para a direita: Gilvan Alves( Secretário de Saúde), Dulcinea Cardoso(Coordenadora da Atenção Básica), Dra Dra. Yurelbis(Médica da UBS Maria Diva)
O Município de São Pedro da Água Branca recebeu dois novos médicos que já estão trabalhando nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) pelo programa federal Mais Médicos. A Secretaria Municipal de Saúde providenciou a habilitação destes profissionais junto ao jurídico da Prefeitura para que estejam aptos a exercer a função.

As duas Unidades Básicas de Saúde de São Pedro da Água Branca, Posto de Saúde Maria Diva, localizado no Bairro Tocantins, e Posto de Saúde Vanderlândia, localizado no Bairro Habitar Brasil estão funcionado de segunda a sexta - feira pela manhã e tarde. Agora cada UBS conta com uma médica exclusiva do “PROGRAMA MAIS MÉDICOS” que consulta pela manhã e tarde de segunda a quinta - feira, estes profissionais atendem como médicos generalistas, clínico geral. 

A Médica Cubana Dra. Yurelbis  chegou recentemente no município, onde iniciou nesta terça -feira(25) a sua rotina de consultas na Unidade Básica de Saúde Maria Diva. A Médica Dra Franciane, que é filha de São Pedro atende na Unidade Básica Varderlândia. 

“Nosso sistema de saúde municipal vem passando por uma reestruturação e as equipes de saúde estão sendo aos poucos reformuladas, todos estão remando em uma só direção objetivando atender melhor a comunidade de São Pedro da Água Branca”, disse Gilvan Alves, Secretário Municipal de Saúde de São Pedro de Pedro da Água Branca.
Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

sexta-feira, 14 de julho de 2017

GLOBO NA MIRA DA LAVA JATO!

Record reinicia guerra e voltará a bombardear Globo com acusações no horário nobre

Paulo Henrique Amorim (Foto: Reprodução/Record)
Paulo Henrique Amorim no “Domingo Espetacular”, que fará acusações contra a Globo(Foto: Reprodução/Record)

Após um tempo de “trégua”, a Record vai reiniciar a guerra com a Globo e voltará a fazer acusações contra a emissora da família Marinho no horário nobre com direito à longa reportagem.

A rede de Edir Macedo promete levar ao ar no próximo domingo (16) uma reportagem que pode colocar a Globo no meio da operação Lava Jato. “O ‘Domingo Espetacular’ mostra os detalhes da delação premiada que pode revelar a participação de uma emissora de TV no meio do escândalo da Operação Lava Jato”, diz a Record em seu site.

Âncora do jornalístico dominical da emissora, Paulo Henrique Amorim anuncia a reportagem na TV, mas sem citar nomes. “Os detalhes da delação premiada que pode colocar um grande grupo de comunicação no meio do escândalo da operação Lava Jato. O ex-ministro Antonio Palocci negocia contar tudo ao juiz Sergio Moro”, diz o jornalista, enquanto mostram imagens da Globo.

Segundo apurado pelo TV Foco, a Record levará ao ar uma reportagem com cerca de 30 minutos, que, além das supostas acusações da delação de Palocci, fala sobre suposto envolvimento da Globo em ilegalidades na Copa do Mundo realizada no Brasil em 2014.

Na Record, poucas pessoas têm acesso ao material que será veiculado no domingo: apenas a direção, o repórter que cuida do assunto e editor de texto. É uma reportagem restrita.

SENADOR SEM NOÇÃO!



Depois de votar contra o trabalhador e não pagar funcionários da Rádio Capital, Roberto Rocha lamenta novo valor do salário mínimo

O senador Roberto Rocha pensa que o povo do Maranhão é besta. Depois de votar a favor da reforma trabalhista de Temer, que aniquilou a CLT, e de deixar os funcionários da Rádio Capital à míngua, ele distribui release à imprensa, nesta sexta-feira (14), informando que o valor do novo salário mínimo, de R$ 979,00, deveria ser maior
“Ainda considero pouco para o trabalhador brasileiro. Deveria ser muito mais. O mercado está caro, a passagem de ônibus e as contas não param de subir. Ao sair da crise, o Brasil precisa rever os cálculos do salário mínimo”, argumentou Roberto Rocha.
Ora, se o senador não paga os funcionários da Rádio Capital há 11 meses, com o salário mínimo menor, como irá pagar com esse valor maior? Na verdade, o senador quer apenas fazer média com o trabalhador, depois de ajudar a sepultar a CLT, que acaba com conquistas históricas.
Ele mostra um desprezo muito grande pelos trabalhadores. É abominável esse tipo de comportamento de alguém que foi eleito agarrando-se na asa do avião da mudança, comandado pelo governador Flávio Dino.
Uma vez no poder, Rocha traiu a confiança do povo do Maranhão e se aliou às forças políticas que levaram o Maranhão ao atraso.
No momento em que o Brasil precisa de políticos corajosos, o senador tupiniquim alia-se à escória da política que deu o golpe e levou o país ao fundo do poço.
Às favas os interesses do povo do Maranhão.
Em tempo: os funcionários da Rádio Capital mandam um recado para o senador: “o mercado está caro, a passagem de ônibus e as contas não param de subir”.
Fonte: Blog do Gilberto Lima
Por profº. Gilvan

A Temporada de Praia Chegou!

Abertura oficial do Veraneio da Praia de 1º Cocal, em São Pedro da Água Branca, acontece neste domingo

A temporada de praia já começou em várias cidades da Região Tocantina e neste domingo, 16, acontece à abertura oficial da Praia do Povoado de 1º Cocal, localizada no município de São Pedro da Água Branca. Conforme informações da prefeitura local, alardeada pelo Secretário Municipal de Cultura e Turismo, Rennam Rocha, uma grande estrutura está sendo montada para receber a comunidade local, visitantes e turistas de todos os municípios da circunvizinhança, principalmente, Vila Nova dos Martírios-MA, Cidelândia-MA, Imperatriz-MA, Açailândia-MA, Bom Jesus do Tocantins-PA, Abel Figueredo-PA, Rondom do Pará e Marabá-PA. 
 

Durante a inauguração neste domingo haverá show ao vivo com a Banda Farra de Luxo, a partir das 13h. O período de veraneio já é tradição no município e costuma atrair milhares de pessoas que visitam a localidade e degustam a saborosa comida típica oferecida pelos barraqueiros. O peixe frito é o prato mais pedido pelos visitantes.


 “A Praia do Povoado de 1º Cocal está entre uns dos pontos turísticos mais procurados da Região do Bico do Papagaio para quem gosta de praia e de sossego para curtir o verão com a família e os amigos”, disse o vice - prefeito Gildeon, morador do povoado.

Por profº. Gilvan

quinta-feira, 13 de julho de 2017

DataVeja: para 86%, Lula será presidente



A revista Veja, que publicou uma edição especial nesta quinta-feira 13 para condenar o ex-presidente Lula, fez uma enquete com seus leitores no site da publicação e o resultado foi frustrante: 86% dos internautas que responderam à pesquisa acreditam que Lula será presidente da República; e para apenas 14%, ele será preso; Lula foi condenado ontem por corrupção passiva e lavagem de dinheiro a 9 anos e 6 meses de prisão pelo juiz Sergio Moro. 
 
Em entrevista coletiva concedida na sede do PT em São Paulo, o ex-presidente Lula comentou sua condenação a nove anos e meio de prisão pelo juiz Sergio Moro; segundo Lula, Moro tem para com ele um otimismo que nem ele próprio tem; "Ele está permitindo que eu possa ser candidato em 2036", declarou; "O que aconteceu ontem eu já previa desde o dia 18 de outubro de 2016", disse; "Eles já estavam com o processo pronto, com a concepção da condenação pronta", afirmou; "A única prova que existe nesse processo, de não sei quantas mil páginas, é a prova da minha inocência", lembrou; "Se alguém pensa que com essa sentença me tiraram do jogo, pode saber que eu estou no jogo", anunciou.

quarta-feira, 12 de julho de 2017

A direita brasileira acaba de produzir um mártir



Por Pedro Breier


A condenação de Lula por Sérgio Moro era mais do que previsível. Era um fato consumado muito tempo antes de ser redigida a sentença, o que, por si só, demonstra o quão absurda é.

Mesmo assim, não deixa de ser chocante.

A direita brasileira, através de seus grandes representantes do momento, a velha mídia e o velho judiciário, consuma sua mais ousada jogada.

Condenar à prisão, sem provas, o presidente mais popular da história do Brasil desde Getúlio Vargas não é qualquer coisa. Mesmo para quem vive de golpes e mais golpes na nossa incipiente democracia.

Mas por que Lula é perseguido dessa forma?

Até o início dos anos 1990 a resposta era óbvia. Seu discurso se encontrava muito mais à esquerda, intolerável para o status quo. Contudo, depois de seus governos de conciliação de classes, quando banqueiros e megaempresários nunca tiveram tanto lucro e a Globo continuou enchendo suas burras de dinheiro público, por que tudo isso? A elite brasileira precisava mesmo dar mais um golpe, jogar o país no caos e condenar o seu grande líder popular?

A resposta para essa pergunta é complexa. São muitos fatores, mas vejo dois principais, um prático e um simbólico.

A “reforma” trabalhista aprovada ontem, que transforma os trabalhadores em mercadorias de baixo valor, é a pista para encontrarmos o fator prático. O grande problema dos governos petistas, para os que sempre mandaram no Brasil, é que os filhos da classe baixa começaram a ingressar no ensino superior. Quando os filhos dos pobres passam a ir para a faculdade, quem vai ser o peão? Quem vai fazer o serviço pesado e ganhar uma miséria sem reclamar, pois se não quiser tem uma multidão implorando por qualquer coisa parecida com um emprego?

A escassez de mão de obra encarece o valor do trabalho. Imagina ter que pagar um salário digno para o peão da fábrica, para o operário da obra, para a faxineira, e diminuir a margem de lucro!
Que horror!

Mesmo não tendo feito nenhuma reforma estrutural, mesmo não tendo diminuído a renda do andar de cima para aumentar a do andar de baixo, a singela ideia de que os pobres possam cogitar serem engenheiros, professores, médicos, cineastas, advogados, jornalistas ou arquitetos é impensável para aqueles que têm a convicção (mas não provas) de que alguns nasceram para servir e sobreviver como der, enquanto alguns poucos iluminados vieram ao mundo para exercerem o poder e aproveitarem do bom e do melhor.

O motivo simbólico para a perseguição doentia a Lula é a sua origem. A imagem de um trabalhador que nasceu e cresceu na miséria; chegou a presidência da República; melhorou a vida de milhões de brasileiros; e por fim rodou o mundo para apresentar as políticas públicas que implementou no seu país – e ainda ser bajulado por líderes mundiais – é poderosa e perigosa demais.

O povo sofrido, a gente humilde de Chico Buarque, não pode ter uma referência dessas para se identificar, pois pode acabar esquecendo do lugar subalterno para o qual foi designado pela aristocracia moderna. Prenda-se o herói dessa gente.

De qualquer forma, a ganância insana da elite nacional acaba de produzir um mártir.

A narrativa – corretíssima – que irá para os livros de história do futuro será, sem sombra de dúvida, a do presidente que era um líder popular e foi preso sem provas após um massacre midiático sem precedentes.

É inevitável bater a tristeza em um momento tão dramático da história do nosso país.

Portanto, tentando transmitir a força que precisamos ter para seguir lutando, encerro este artigo com uma frase esperançosa do jurista Marcio Sotelo Felippe sobre a reforma trabalhista, mas que se encaixa perfeitamente também para a condenação de Lula:

É fruto de uma elite selvagem, capaz de chegar aos limites da insanidade. Vai chegar o ponto da virada, o momento em que brota a consciência de que não se tem mais nada a perder. Quando e como não sei. Mas vai chegar.

Fonte: O Cafezinho

terça-feira, 11 de julho de 2017

MARANHÃO TEM 3 SENADORES DE FAZ DE CONTA!

ALIADOS DO PEITO! Carcará, Esquálido e Asa de Avião ignoram boicote de Temer ao Maranhão, com corte de R$ 224 milhões
  ALIADOS DO PEITO! Carcará, Esquálido e Asa de Avião ignoram boicote de Temer ao Maranhão, com corte de R$ 224 mi
 Por Waldemar Ter
A bancada maranhense na Câmara Federal e o presidente da Famem, Cleomar Tema, passaram o dia de hoje discutindo medidas para forçar o governo federal a cumprir o acordo de parcelar o desconto em relação aos repasses do Fundeb.

Estranhamente, foi publicada, na quinta-feira (6), a portaria nº 823/2017, autorizando o desconto de R$ 177 milhões das contas das prefeituras maranhenses. A medida também prejudicará o estado, que perderá R$ 47 milhões.

Do Marrapá

Líder da bancada maranhense no Congresso, o deputado Rubens Júnior anunciou uma reunião entre os representantes do Estado e o presidente Michel Temer, amanhã, às 11h, pra tratar sobre este assunto.

Segundo Cleomar Tema, ficou acordado que caso o governo federal não volte atrás, os deputados maranhenses podem começar a travar votações de interesse do Planalto. O objetivo é pressionar, ainda mais diante da situação do presidente em vias de ser afastado.

Enquanto prefeitos e deputados se unem para reverter à medida prejudicial aos municípios, os senadores Roberto Rocha, João Alberto e Edson Lobão continuam inertes a situação, apesar do risco de quebradeira de várias prefeituras. O caso é constrangedor. O próprio deputado do PMDB, Roberto Costa, prometeu cobrar uma postura dos parlamentares.

Aliados do Presidente Michel Temer, os representantes do Estado no Senado simplesmente fecharam os olhos. Contudo, 2018 é logo ali, e os prefeitos hoje prejudicados se preparam para dar o troco em “Carcará”, no “Esquálido” e no autointitulado “Asa de Avião”.

sábado, 8 de julho de 2017

São Pedro da Água Branca ganha mais uma Médica do Programa Mais Médicos

A chegada da nova médica no município vem atender a uma solicitação feita pela Secretaria Municipal de Saúde ao Coordenador do Programa Mais Médicos no MA

Chegou à tarde de ontem, dia 7 julho, no Município de São Pedro da Água Branca, a Dra. Yurelbis vinda de Cuba, para atender através do "Programa Mais Médicos". Agora o município passa a contar com o atendimento de dois profissionais ligados ao programa. 

A Dra. Yurelbis fará atendimento na Unidade Básica de Saúde, Posto Maria Diva, localizado no Bairro Tocantins, 4 dias por semana de manhã e à tarde para as demandas de atenção básica. A Dra. Franciane continuará atendendo na Unidade Básica de Saúde, Posto Vanderlandia, localizado no Bairro Habitar Brasil.
O Governo Municipal vem trabalhando para que os serviços públicos de saúde sejam ofertados com qualidade à população. Neste aspecto, as equipes da saúde estão empenhadas em cumprir todos os preceitos legais inerentes às atribuições, aderindo e desenvolvendo campanhas, participando de capacitações e buscando inovar cotidianamente. Ter uma população cada vez mais saudável e ativa é um dos compromissos assumidos por Pelezinho, atual prefeito do Município.

Visita ao local de trabalho

Hoje pela manhã(08), a Dra. Yurelbis fez uma visita ao local onde irá trabalhar, a nova integrante da Equipe da Secretaria Municipal de Saúde estava acompanhada do Secretário de Saúde Gilvan Alves e da Coordenadora da Atenção Básica Enfermeira Ducinea Cardoso. Na oportunidade Dra. Yurelbis elogiou a estrutura da Unidade Básica de Saúde Maria Diva e agradeceu o acolhimento carinhoso que todos tem dispensado a sua pessoa. 

Qual o objetivo do Programa Mais Médico?

O Programa Mais Médicos é uma iniciativa que prevê o amplo atendimento e melhorias aos usuários do Sistema Único de Saúde, na Atenção Básica, principalmente em regiões onde há escassez desses profissionais.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

Presidente Michael Temer tenta instalar o caos no Maranhão cortando R$ 224 milhões do Fundeb do Maranhão

O governo federal descumpriu acordo firmado com a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) e a bancada maranhense em Brasília e publicou, na quinta-feira (6), portaria nº 823/2017 que autoriza o desconto de R$ 177 milhões das contas das prefeituras do estado referente ao ajuste anual do Fundeb de 2016.

A medida também atinge o governo estadual, que será penalizado com a perda de R$ 47 milhões. A lista contendo os nomes dos municípios e suas perdas está disponível no www.famem.org.br

O desconto deverá ser feito até o fim da próxima semana, o que causará um enorme déficit financeiro nos municípios do Maranhão, prejudicando consideravelmente o setor educacional e o pagamento dos profissionais que nele trabalham, por exemplo.

Em abril, o presidente da entidade municipalista, prefeito Cleomar Tema (Tuntum), protagonizou uma grande articulação em Brasília que resultou na garantia, por parte do governo federal, da edição de uma medida provisória que parcelaria o pagamento dos recursos referentes ao ajuste do Fundeb (reveja).

Na ocasião, Tema, vários prefeitos e prefeitas e deputados federais reuniram-se com o ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, que assumiu o compromisso, em nome do presidente Michel Temer, do parcelamento, que deveria ser feito de 10 a 12 parcelas.

O presidente da Federação também realizou peregrinação em vários órgãos, como Ministério da Educação e Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), com o objetivo de evitar que as cidades maranhenses e o próprio estado fossem prejudicados.

É importante destacar que a entidade municipalista prestou toda a assessoria jurídica necessária para que o governo do estado ingressasse, esta semana, com uma ação na Justiça Federal em Brasília visando reverter os efeitos da portaria baixada pela União.

Caso a decisão não seja modificada e o entendimento do governo federal prevaleça, um verdadeiro caos financeiro irá instalar-se nas prefeituras maranhenses, penalizando diretamente todos os agentes inseridos no contexto do setor da educação.